Resenha: “Três semanas com meu irmão”

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Sem título

Olá pessoal, tudo bem?

 

Hoje vim fazer uma resenha do livro “Três semanas com meu irmão”, do Nicholas Sparks. Vocês já leram?

 

Este livro conta um pouquinho da história real da família Sparks, principalmente dos irmãos Nicholas e Micah, os únicos sobreviventes da família, no qual decidem partir para uma viagem de três semana ao redor do mundo, com o intuito de além de relaxarem, poderem também se reaproximarem, já que, por consequências da vida, Nicholas teve que mudar de cidade e acabaram se distanciando.

 

O livro também conta sobre alguns momentos da infância dos irmãos; as dificuldades financeiras passadas pela família; os sonhos que a mãe teve que abandonar para criar os filhos e também o que ela fazia para poder mantê-los unidos. Conta também da passagem dos irmãos para a vida adulta; como encontraram o amor verdadeiro e formaram suas próprias famílias; como ganharam o primeiro milhão; as perdas que tiveram ao longo da vida e que testaram sua fé.

 

A família Sparks, era composta por 5 pessoas: Patrick (pai), Jill (mãe), Micah (filho mais velho), Nicholas (filho do meio) e Dana (caçula).

Micah sempre foi bastante esperto e brincalhão. Nicholas, sempre estudioso e inteligente, mas se sentia um pouco “rejeitado”. Dana, muito doce e meiga, igual a mãe. Jill, era o tipo de mulher que sempre fazia tudo pela família e era sempre decidia. Patrick, tinha uma personalidade muito forte. Era mais firme e muitas vezes parecia ser até “cruel”, mas era uma boa pessoa.

 

Sempre que leio as sinopses dos livros de Nicholas Sparks, já imagino que o livro será bom, mas, percebo que na maioria de seus livros há alguma tragédia e aí penso: “caramba, mas ele só saber fazer romance com tragédia”? E o livro “Três semanas com meu irmão” me mostrou o porquê disso, pois a maioria dos livros são baseados em fatos reais da própria família (me senti triste ao saber disso). Inclusive, “Um amor para recordar”, um dos livros mais vendidos de Nicholas Sparks, foi baseado em uma pessoa muito especial para ele.

 

Outra coisa que esse livro me ensinou, é que devemos aproveitar da melhor maneira a vida que temos. Não adianta querermos parecer perfeitos, querermos tentar fazer as coisas mais perfeitas possíveis (aos nossos olhos), mas que na realidade, ao buscarmos a perfeição, acabamos deixando o básico, o essencial de lado e quando percebemos já é tarde demais.

 

Com certeza é um livro que indico.
Gostei bastante de saber um pouco mais sobre essa família.

 

Quais livros vocês me indicam hein?!

 

Beijos com carinho,
Mi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *