Carlo’s Bakery SP – A famosa confeitaria do Cake Boss Buddy Valastro

Hellooo Brasil!!!

Um tempinho atrás, fomos conhecer a Carlo’s Bakery que inaugurou aqui em São Paulo. Para quem não conhece, essa é a famosa confeitaria do Cake Boss Buddy Valastro.

Essa foi a primeira unidade da confeitaria inaugurada fora dos Estados Unidos. Pensa se não estávamos com um vontade louca de experimentar essas gostosuras? Hahahaha

A loja conta com diversos tipos de doces e fica muito difícil escolher qual você vai querer, haha. Os mais tradicionais e carro chefe da confeitaria são o cannoli e o lobster tail (ambos com recheio de creme, e esse último em massa folhada).

É possível também fazer encomendas de bolos personalizados.

OBS: Se você quiser encomendar algum bolo personalizado, é necessário que faça primeiro um agendamento com uma consultora da fábrica, pois assim ela irá entender suas ideias e trabalhar para que o bolo saia perfeito e seja inesquecível. 

Quanto aos valores dos bolos, vai depender muito de como você irá querer (tipo de recheio, tipo de massa, quantidade de fatias, tipo de decoração), por isso, não há como ter uma base (apesar que vimos uma reportagem da revista Veja, dizendo que os bolos estavam a partir de R$ 200,00 e os de pasta americana a partir de R$ 240,00), mas aconselhamos consultá-los primeiro para ter certeza do valor.

Já os doces na confeitaria, possuem uma média de R$ 15,00 cada.

Lobster Tail de creme

Cannoli de creme

Cupcake Red Velvet (está destruído porque aconteceu um “acidente” com ele no meio do caminho, rs)

Ahhh, uma coisa muito importante que você deve saber, é que o funcionamento da Carlo’s Bakery, é em um sistema de “compre e leve para casa”. Por esse motivo, não há muitas mesas no local (quando fomos tinha apenas duas pequenas mesinhas) e o local também é pequeno, justamente para esse tipo de atendimento.

E sabe o Rick Zavala? Aquele que ganhou o reality Batalha dos Confeiteiros Brasil, exibido pela Record? Então, é ele o braço direito de Buddy Valastro no Brasil. Legal, né?!

NOSSA OPINIÃO

Quando fomos, a confeitaria estava BEM cheia (esperamos mais de 1 hora na fila). Tudo bem que foi logo no início do ano e próximo a sua inauguração, mas, normalmente esses lugares bastante conhecidos são cheios mesmo. Por isso, aconselhamos ir com muita paciência. Aos finais de semana tendem a demorar um pouco mais. Mas vale a pena!

Para sermos sinceras, não curtimos tanto assim o cannoli e a lobster tail com recheio de creme (achamos bem amanteigados, sabe?!). Massss, também pedimos uma lobster tail de Nutella, e gente, páááááára tudoooo! Essa sim é uma boa pedida e, na nossa opinião, vale a pena experimentar! DE-LI-CI-O-SA demais. Sério!

Também pedimos a Tower de Nutella (nada mais é que um bolo no pote) e o famoso cupcake red velvet. Também super indicamos esses pedidos. São deliciosos!

Como o sistema é “compre e leve para casa”, indicamos conferir o pedido antes de sair de lá, para certificar que não está faltando nada e nem venha errado (como aconteceu com um de nossos pedidos).

Então é isso pessoal.
Deixamos mais essa dica para vocês conhecerem em São Paulo e, se alguém aí já foi, escreva aqui nos comentários o que achou 🙂

Endereço Carlo’s Bakery – São Paulo
R. Bela Cintra, 2182 – Consolação
São Paulo – SP, 01415-002, Brazil
Tel.: (11) 2307-2310
Site: http://carlosbakery.com.br/

APERTE O PLAY E VENHA VER UM POUQUINHO MAIS DA CARLO’S BAKERY BRASIL!

Beijos com carinho,

 

 

 

Você pode se interessar por estes assuntos!

Croasonho

Bartataria da Vovó

Paris 6

Resenha: “Diário de uma paixão”

diario de uma paixão

Oi meninas, tudo bem?

Mais um mês começando e com ele mais uma #DicaDeLeitura. Quem gosta?

A resenha de hoje é sobre o livro “Diário de Uma Paixão”, do autor Nicholas Sparks.
Já perceberam que a pessoa aqui adora uma história de romance, né?! rsrsrs

“Diário de Uma Paixão”, conta a história de dois jovens apaixonados: Noah e Allie.
Eles se conhecem quando Allie vai passar um verão na cidade de Nova Berna (cidade onde Noah reside) e a partir daí nasce um amor mágico e enlouquecedor, daqueles de não caber dentro do peito. Foi o verão mais intenso que os dois já tiveram.

Allie é uma jovem de família rica, ao contrário de Noah, mas, nenhum dos dois ligam para isso, ao contrário da mãe de Allie que acaba não aceitando esse romance, não por que não goste de Noah, mas porque não quer que sua filha sofra ou passe por alguma dificuldade. Sendo assim, os dois acabam tendo que se encontrar escondidos para que não haja nenhum problema.

Como todo verão acaba, Allie retorna para sua cidade com o coração partido, igualmente a Noah, mas os dois prometem não deixar esse amor morrer. Noah promete também escrever para Allie sempre que possível (e assim fez). Durante dois anos seguidos ele escreve diversas cartas para ela mas acaba não tendo resposta de nenhuma. Noah acredita que Allie tenha perdido o interesse nele e por isso resolve escrever mais uma carta se despedindo.

Catorze anos se passam e em todo esse período Noah sofre demais por estar tão distante de sua amada e não saber o que se passa na vida dela, nem mesmo o porque de não ter recebido nenhuma resposta das catas enviadas.

Allie fica noiva de Lon, um advogado bem sucedido e que gosta muito dela. Aparentemente é aquele “marido perfeito”.

Três semanas antes de seu casamento, Allie vê uma reportagem no jornal sobre Noah e seu coração estremece novamente. Na verdade ela nunca deixou de amá-lo.

Allie decide então procurar por Noah as escondidas.
Quando se encontram, parece até que o tempo não passou para eles, pois os dois sentem o mesmo amor e carinho que sentiram naquele verão de catorze anos atrás.

Conversam o dia todo e combinam de se encontrar novamente no dia seguinte, onde acabam não resistindo e se entregando um ao outro.

Pressentindo que algo de errado estava acontecendo, a mãe de Allie resolve ir atrás da filha, já imaginando onde ela poderia estar. Quando chega a casa de Noah, vê os dois ali e percebe que ainda existe amor entre eles e que agora a decisão é apenas da da filha. Resolve dizer também que todas as cartas que Noah enviou foram recebidas por ela mas que nunca as entregou a filha.

Allie agora fica com uma grande indecisão: Casar-se com Lon e ser bem-sucedia, ou voltar para Noah, que sempre foi seu grande amor?

Enquanto essa resposta não chega, Noah diz adeus mais uma vez a sua amada, não sabendo se está perdendo-a novamente ou se ela ainda irá voltar.

“Diário de uma Paixão” retrata um amor que resistiu a diversas provas mas que o tempo não é capaz de abalar. É um livro curto, emocionante, e uma boa dose de amor e paixão na medida certa. Uma história para não ser esquecida.

Já leram? Gostaram? Quais outros livros me indicam?

Beijos com carinho,

ass

livros, book, e-book, cultura, kindle, saraiva, livro, romance

Você também pode se interessar por estes assuntos!

como-eu-era-antes-de-voce

Como eu era antes de você

Sem título

Três semanas com meu irmão

12670155_980372235377168_4356853885059064849_n

Um amor para recordar

Resenha: “Depois de você”

livro

Oi meninas, tudo bem com vocês?

Bora começar o mês com uma #DicaDeLeitura bem legal?!

A dica de hoje é o livro “Depois de Você”, da autora Jojo Moyes (e para quem não sabe, a história é continuação do livro “Como Eu Era Antes de Você”, no qual também já fiz resenha nesse post AQUI).

Confesso que precisei dar um tempo para me recompor depois de ter lido o primeiro livro, porque SIM, eu chorei e muito, hahahaha.

O livro “Depois de Você”, continua contando a história da protagonista mais querida dos últimos tempos: Lou Clark, rs, porém, conta agora, como ela passou a viver depois da morte trágica de Will Traynor.

Apesar de muitas pessoas acharem que essa história será a continuação de ainda mais dor e sofrimento (eu fui uma das que pensaram isso, rs), não acontece exatamente assim. Ela conta sim sobre sofrimento, luto, mas também conta sobre recomeço, sobre vida, o que dá até uma motivada e faz a gente pensar na vida como um todo.

Lou precisa recomeçar e tentar “esquecer” tudo o que aconteceu. Sendo assim, resolve fazer algumas viagens, conhecer pessoas e culturas diferentes, fazer algumas coisas que nunca havia feito antes; tudo isso sozinha, mas nada disso adianta muito.

Cansada de viajar e precisando dar um rumo em sua vida, Lou decide comprar um pequeno apartamento em Londres, procurar um novo emprego e entrar para um grupo de apoio a pessoas que perderam alguém especial e assim, tentar recuperar suas forças. Ela tenta dar uma “maquiada” em sua vida e fingir que está tudo bem, quando na verdade, por dentro, ela ainda sofre muito com o trauma que vivenciou há quase dois anos.

Durante toda a história, Lou precisa fazer diversas escolhas e lembra que a lição mais importante que aprendeu durante esses dois anos foi: escolher viver. Mas ela não sabia que isso seria mais difícil do que imaginava.

Lou também acaba sofrendo um grave acidente, dificultando ainda mais todo o processo de superação que ela precisa.

No decorrer da história, Lou Clark conhece diversas pessoas interessantes, reencontra algumas outras, se assusta fortemente com algumas situações inesperadas, mas, como tem um coração muito bom, está sempre disposta a ajudar sem esperar nada em troca. Ela luta com todas as suas forças para fazer a diferença na vida dessas pessoas que entraram em seu caminho.

 “Depois de Você” é assim, um livro que conta a história de uma personagem, mas, se pararmos para pensar, os reais personagens dessa história somos NÓS, pois o livro nos mostra que viver não é perfeito como gostaríamos que fosse. Mostra que infelizmente passamos por perdas, situações difíceis, dores, mas que acima de tudo temos que aprender a lutar e recomeçar. Lou Clark nos ensina que mesmo diante da dor, devemos ter Fé e acreditar em um futuro melhor.

Alguém aí já leu o livro? O que acharam?

Espero que tenham gostado de mais essa dica de leitura.

Beijos com carinho,

livro, book, leitura, e-book, kindle, livros, saraiva, cultura, história, superação

ass

Você também pode se interessar por estes assuntos!

Sem título

Três semanas com meu irmão

12670155_980372235377168_4356853885059064849_n

Um amor para recordar

como-eu-era-antes-de-voce

Como eu era antes de você

Resenha: “Como eu era antes de você”

como-eu-era-antes-de-voce

“Apenas viva bem.
Apenas viva.”

Olá meus amores, tudo bem?

Aproveito o início do ano para indicar uma super leitura de um livro que roubou meu coração com sua história linda, emocionante e triste, mas que nos dá uma lição de vida. Esse livro é o  “Como eu era antes de você”, da autora Jojo Moyes.

Difícil encontrar alguém que ainda não tenha lido este livro ou assistido ao filme, mas acreditem, ainda tem sim pessoas que não conhecem a história dos personagens tão amados: Louisa Clark e Will Traynor.

“Como eu era antes de você” conta a história de Will Traynor, um jovem bem-sucedido, amante de viagens e aventuras e apaixonado pela vida.

Em um dia muito chuvoso, Will Traynor sai de casa rumo ao trabalho e é atingido por uma moto, sofrendo um acidente gravíssimo e ficando tetraplégico. Deste dia em diante, a vida perde a graça para ele e tudo o que ele mais deseja é acabar de vez com esse sofrimento.

A família de Will faz de tudo para reanimá-lo e mostrar que ainda é possível ele ser feliz e que é possível continuar fazendo as coisas que fazia, é “só” uma questão de adequação.

Para ajudá-lo nesta nova etapa, a família contrata uma cuidadora, Louisa Clark. Uma garota amável, de bem com a vida, apaixonada por moda e que adora se vestir com roupas que para os demais são um tanto quanto esquisitas, rs. Louisa acabara de perder o seu emprego em uma lanchonete e precisa muito de dinheiro para continuar sustentando sua família.
Ser cuidadora não é o que ela quer ser exatamente, mesmo porque não possui nenhuma habilidade para isso, além de ser bastante desastrada, mas por questões financeiras não pode recusar o emprego.

Louisa e Will se estranham um pouco no início por conta do jeito “grosso” de Will Traynor, mas, na verdade, ele não quer ser cuidado por uma menina nova, bonita e cheia de vida; ele tem vergonha e também não quer que ela perca a vida dela ali, cuidando dele.

Com o passar do tempo, os dois se tornam grandes amigos, aliás, eu diria que se tornam muito mais do que isso.
Louisa Clark, faz TUDO o que está ao seu alcance para que Will Traynor volte a querer viver; volte a fazer planos para a vida mas, algumas coisas acontecem pelo caminho.

Será que Louisa conseguiu  fazer Will mudar de ideia? Será que ela atingiu seu objetivo? Isso vocês só saberão se ler o livro ou então assistir ao filme, rs, mas uma mensagem Will passou para Louisa e para todos nós leitores: “Apenas viva bem. Apenas viva”.

Se vocês já leram ou assistiram, falem aqui nos comentário o que acharam, ok?!

Beijos com carinho,

ass

Restaurante Croasonho

2

Oi pessoal, tudo bem?

Vim trazer mais uma dica de um lugar bem gostoso para vocês. O mais legal, é que não é uma dica para quem mora apenas em São Paulo, pois esse restaurante possui lojas em diversos estados do Brasil. De quem estou falando? De quem? É do Croasonho! O nome por si só já é uma delícia, vocês não acham? Hahahaha

Croasonho foi fundada em 1997, com a criação da receita dos croasonhos artesanais, que nada mais é do que uma massa de croissant com diversos recheios surpreendentes. Desde então, a marca cresceu muito no mercado gastronômico.

As lojas possuem diversas opções de recheios em seus cardápios, tanto para os croasonhos salgados, como para os doces também. É muito difícil escolher o sabor que vai querer, sério! Ainda mais para uma pessoa tão indecisa quanto eu, hahaha.

Para quem quiser dar uma olhadinha no cardápio, deixarei o link AQUI. Lembrando também, que mesmo os croissants recheados sendo a atração da casa, o restaurante também possui outros itens em seu cardápio, como pratos executivos, saladas, chás e outras sobremesas.

1

Para os croasonhos, a casa oferece três opções de tamanho: pequeno, médio e grande. Tudo vai depender do tamanho da sua fome, haha.

Dessa última vez, fui ao Croasonho com uma amiga e optamos por dois croasonhos grandes (sendo um salgado e um doce) para que pudéssemos dividir. Os sabores foram: frango com queijo cremoso e o de Nutella com morango.

3

4

5

Aprovei? Sim!
Na minha opinião está mais do que aprovado.

Achei a massa bem leve e crocante, e o recheio muito bom. Uma combinação que deu super certo e eu super indico. Além disso, achei o ambiente bastante agradável, apesar de pequeno (mas só conheço a unidade Paraíso, em São Paulo).

Quer saber onde tem um Croasonho pertinho de você? Clique AQUI e confira todas as lojas.

Espero que tenham gostado de mais essa #DicaTriicotando.

Beijos com carinho,

ass

Você também pode se interessar por estes assuntos!

800

Bartataria da Vovó

2

Hocca Bar

20

Paris 6

Bartataria da Vovó

Olá amores, tudo bem com vocês?

Pááára tuuudooo porque tem uma batata aí que precisa de qualquer maneira passar pela tela do seu computador e/ou celular, hahahaha. 

Hoje eu venho compartilhar com vocês, mais uma #DicaTriicotando de gastronomia e que você…SIM! Você que mora em São Paulo ou esteja aqui por essa cidade a passeio, precisa conhecer. Lhes apresento a Bartataria da Vovó. Se você já conhece sabe do que estou falando. Se ainda não conhece, não sabe o que está perdendo, hahaha. 

Como eu descobri a Bartataria da Vovó: Um belo dia, estava eu em casa com o maridinho e eu estava morrendo de vontade de uma batata rosti (ou batata suíça, como preferirem). Infelizmente a batataria que havia perto de casa fechou e eu não conhecia mais nenhuma outra que vendesse esse tipo de batata. Então….o maridinho lindo, maravilhoso, começou a procurar em nossos amigos Google e TripAdvisor (pau pra toda obra, hahahaha) locais que vendiam batata rosti em São Paulo. Apareceram algumas opções, inclusive a Bartataria da Vovó. O que nos chamou muito a atenção foram as fotos das batatas. Sério! Eu ainda não tinha visto nada igual, hahaha. Foi aí que utilizamos o TipAdvisor (sempre) para saber as avaliações, porque muitas vezes a aparências enganam, não é mesmo?

Com as lombrigas atacadas, a mocinha aqui já queria ir para a Bartataria naquele momento (era horário do almoço), massss, li uma triste notícia no site deles: o horário de atendimento é apenas no período noturno. Não teve jeito, tive que esperar mais um pouquinho para me deliciar com essa batata maravilhosa e de dar água na boca. Afinal, BATATA É BATATA né gente?! 🙂 

Bartataria da Vovó - Batata Suíça

O local é bem simples. É estilo um bar mesmo, mas para toda a família.
Também é um local pequeno, então, por menor que seja o tempo de atendimento, chegue o mais cedo que puder a (a partir das 18h00), pois enche com facilidade, principalmente próximo às 20h00.

Há diversas opções de recheios, um mais delicioso que o outro, e além disso, a casa também serve porções, saladas e sobremesas.

 

Dessa vez optamos por duas batatas pequenas (que já é um tamanho grande, mas só descobrimos isso na hora que o pedido chegou) nos sabores: Barreada (carne de panela refogada com o tempero da vovó) e Filé Mignon com requeijão cremoso. Dividimos a metade de cada sabor para cada um de nós, porque eu não sou obrigada a ficar com vontade do sabor alheio, hahahahaha (mas o Léo também queria experimentar a minha batata, rs). As duas estavam uma delícia, mas de verdade? A barreada é show! Foi a nossa favorita. INDICO! 

Ahhh, para quem  não come muito, dá para pedir tranquilamente uma batata para duas pessoas. Eu como amo comer e estava morrendo de vontade dessa batata, pensei que fosse “devorar” tudinho, mas ainda assim sobrou (e o Léo comeu porque não se pode desperdiçar comida né? kkkkk)

Bartataria da Vovó
Rua Coronel Diogo, 807 – Aclimação – São Paulo/SP
Telefone: (11) 2219-2091
WhatsApp: (11) 94581-3294
Horário de atendimento: 3ª a 5ª e Domingo, das 18h00 ás 22h30 / 6ª e Sábado, das 18h00 às 23h00

CLIQUE AQUI para maiores informações.

Espero que tenham gostado de mais essa dica.

Beijos com carinho,
Mi

Batata, Bartataria, Triicotando, restaurante, comida, food, São Paulo, SP, restaurantes em são paulo, lugares para comer em São Paulo, onde comer em São Paulo?

 

Você pode se interessar por estes assuntos!

101

Hocca Bar

paris

Paris 6

2

Food Truck Av Paulista

 

#DicaTriicotando: Restaurante Paris 6

paris

Olá pessoal, tudo bem?

Hoje venho com mais uma #DicaTriicotando 🙂
Um lugar maravilhoso para vocês conhecerem em São Paulo! Muitos com certeza já conhecem, mas, sei de muita gente que ainda não foi lá (confesso que eu mesma demorei bastante para conhecer). Estou falando do famoso restaurante dos artistas. O queridinho de São Paulo. Claro que só poderia ser o #Paris6!

Sabe quando você começa a ver várias fotos de gordices na internet e as lombrigas atacam? Foi bem assim que aconteceu comigo quando comecei a seguir a página do P6.
É uma coisa mais deliciosa que a outra e a gente acaba engordando só de olhar, principalmente com os famosos Grand Gateau, hahahaha.

21

O Paris 6 foi inaugurado em 2006 pelo empresário paulistano Isaac Azar e sua ideia, era criar um bistrô no estilo cultural e com um conceito gastronômico inspirado nos Cafés, Bistrôs e Cervejarias de Paris e também, que pudesse ficar aberto 24h por dia, todos os dias da semana. E sabe de uma coisa? Ele conseguiu!
Segundo o site do P6, o restaurante atende mensalmente, mais de 70 mil clientes.

O menu do bistrô é bastante diversificado e fácil de agradar todos os tipos de público. Cada item do menu possui o nome de um artista. Não é à toa que é considerado o restaurante dos artistas, além é claro, de muitos famosos frequentarem o local.

25

20

Dessa vez fomos eu e o Léo (para quem ainda não conhece é o meu marido) e pedimos uma Poissons Panés à “Mauro Naves” (iscas de peixe branco empanadas ao molho tártaro) e um Grand Gateau Chocolat et Picolé Au Chocolat à la Crème de Noisette à “Paloma Bernardi” (Grand Gateau de chocolate ao picolé Diletto de chocolate, calda de creme de avelã francês, ao leite condensado e morangos picados com avelãs granuladas) -> essa sobremesa serve bem duas pessoas <-  também pedimos um suco natural e, junto com a taxa de 10% a conta não passou dos R$ 90,00, ou seja, para quem pensa que o restaurante é um absurdo de caro, nem é tanto assim 😉

Eu amei o lugar! A comida é gostosa, a sobremesa melhor ainda e o ambiente muito aconchegante. Não conheço Paris (ainda), mas tenho certeza que o Isaac atingiu o seu objetivo e trouxe um pouquinho da França para o nosso Brasil.

Obs:

  • O restaurante enche MUITO, principalmente à noite e aos finais de semana. Então, se você é daquele tipo que não tem muita paciência para ficar em filas, chegue cedo (até umas 19h30) para não ter que esperar tanto 😉
  • Baixe o aplicativo P6 e participe das ofertas deliciosas que o restaurante oferece 🙂

Beijos com carinho,
Mi

#DicaTriicotando: Feira temática do Leste Europeu

Casa-Bulgara-1-1024x768

Olááá, tudo bem com vocês?

A dica de hoje é para quem estiver de bobeira no final de semana (mais precisamente domingo), e quiser visitar a feira temática do Leste Europeu – edição mês do imigrante, onde poderá encontrar comidinhas e artesanatos dos países do Leste Europeu, como: Croácia, Bulgária, Hungria, Polônia, República Tcheca, entre outros.

O evento ocorrerá no bairro Vila Alpina que, segundo o site Amoviza, é uma das regiões que possui um aspecto cultural forte da imigração leste européia.

Essa feira já aconteceu algumas outras vezes e, apesar de simples, é uma feira que vem crescendo a cada edição.
Até o momento, o evento criado no Facebook conta com 5,3 mil pessoas confirmadas e 17 mil interessadas.

Quem tiver interesse em conhecer o evento, as informações são:

Data: 19/06/2016, domingo
Horário: 10h00 às 17h00
Endereço: Rua Aracati Mirim, 115 – Vila Alpina, 03227-160 – São Paulo/SP (em frente ao Senai Vila Alpina)
Evento aberto e gratuito

75-IMG_0837-2

 

 

#DicaTriicotando: Hocca Bar

1

Olá pessoal, tudo bem?

A dica de hoje é para vocês já irem se preparando para o final de semana, hahaha.
Vim aqui indicar para vocês o restaurante Hocca Bar.

O Hocca Bar é um tradicional restaurante de São Paulo, muito conhecido por ter tido sua  primeira unidade no Mercado Municipal de São Paulo, mais conhecido como “Mercadão”.

Os pratos mais famosos do restaurante são: o pastel de bacalhau e o lanche de mortadela. Foi através destes dois pratos que o Hocca Bar ganhou repercussão internacional.

2

Gente, é sério! Se vocês não conhecem o restaurante ainda não sabem o que estão perdendo, pois na minha humilde opinião o restaurante é demais de bom, rsrsrs.

Já tive oportunidade de experimentar o pastel de bacalhau, o lanche de mortadela e o filé mignon com catupiry, e de verdade? Amei todos, porque eu gosto mesmo é de comer, hahaha. Quem não? Mas eu tenho o meu preferido, que é o lanche de mortadela. Cara, muito bom!

101

105

104

Além da unidade localizada no Mercadão, há outras duas unidades também: Mooca Plaza Shopping e São Bernardo Plaza Shopping.

Sinceramente eu prefiro ir nas unidades localizadas nos shoppings.  Acho mais tranquilo (quem conhece o Mercadão sabe do que eu “tô” falando).

Pontos positivos: Comida de qualidade, lugar aconchegante, bom atendimento, a maioria dos pratos (ou até mesmo lanche) são bem fartos, então dá para dividir para 2.

Ponto negativo: Preço um pouco “salgadinho”.

100

103

106

Essa foi a #DicaTriicotando de hoje.

Espero que tenham gostado.

Beijos com carinho,
Mi

#DicaTriicotando: Food Trucks Av. Paulista

Olá pessoal, tudo bem?

Estávamos aqui pensando e, achamos interessante em também dividir com vocês dicas de lugares, restaurantes, lojas, etc.

Nós já estamos procurando fazer isso, mas queremos abrir um espaço para falar um pouco mais detalhadamente sobre lugares específicos. Afinal de contas, é sempre muito bom conhecer lugares diferentes né? Nós adoramos isso!  Então, por que não compartilhar isso com vocês não é mesmo?

Queremos muito que vocês compartilhem com a gente lugares que gostam de frequentar ok? Assim podemos conhecer algo diferente também.

Então, a #DicaTriicotando de hoje é: Food Trucks Av. Paulista – Praça Oswaldo Cruz

1

Os food trucks vieram com tudo né gente? Foram “invadindo” alguns países, diversas cidades e no Brasil eles estão agradando cada vez mais a população.

Por isso, indicamos hoje os food trucks da Av. Paulista, localizados na Praça Oswaldo Cruz.
Local de fácil acesso para os paulistanos e as comidas são uma delícia. A gente fica até meio perdida na hora de escolher, porque tem tanta coisa gostosa, hahahaha.

8

2

5

As opções são muitas, de verdade! Comidas para todos os gostos: coxinhas, hambúrgueres, japonesas, massas, doces, etc.

Há alguns banquinhos e mesinhas também, mas, dependendo do horário, enche muito rápido e pode ser que você tenha que comer em pé (mas acho que isso não é muito um problema diante de tantas delícias), haha.

Vale lembrar que os food trucks nem sempre são os mesmos todos os dias e os horários normalmente vão das 11h00 ás 21h00.

4

6

7

Vocês podem acompanhar alguns deles pelo aplicativo Guia Food Trucks 

Agora que anotaram essa diquinha, que tal fazer uma parada lá para recarregar as energias?

Beijos com carinho,
Mi e Gi